Erick Lessa

PP

Erick da Silva Lessa, alagoano de nascença, se estabeleceu na cidade de Caruaru em 2008. Marido e pai, formado em Direito e especialista em Segurança Pública. Além de delegado, foi gestor regional de Caruaru e diretor do Agreste e Zona da Mata da Polícia Civil de Pernambuco. Erick Lessa também atuou como professor universitário, contribuindo para a formação de jovens profissionais da área do Direito.

Se destacou na região Agreste de Pernambuco por operações de grande repercussão que lhe renderam uma boa reputação junto à sociedade. Dentre elas, a Operação Ponto Final, que levou à cadeia 10 vereadores acusados de corrupção, além da Operação Tutela, que desvendou o assassinato dos conselheiros tutelares da cidade de Poção, crime que na época teve repercussão internacional.

Em 2016, com a ausência de novos quadros de liderança política em Caruaru, entendendo ser um momento de renovação política na cidade, se lançou como candidato a prefeito de Caruaru, pelo PR, surpreendendo a cidade com mais de 41 mil votos.

Em 2018, disputando uma cadeira para a Assembleia Legislativa de Pernambuco com ex-prefeitos de Caruaru, conseguiu se eleger para o primeiro mandato de deputado estadual, defendendo as bandeiras da segurança pública, combate à corrupção e defesa da família.

No ano de 2020, novamente foi candidato a prefeito de Caruaru, pelo partido Progressistas. Mesmo diante dos desafios no pleito, ocorrido em meio à pandemia da Covid-19, Lessa ficou em 2° lugar e consolidou-se como uma das mais importantes forças políticas do município.

Em 2021, o Delegado Lessa lançou o livro de sua autoria ‘Chacina de Poção, a barbárie do Sítio Cafundó’, pela Cepe Editora, no qual relata os bastidores da investigação da Operação Tutela e clama por justiça e proteção a crianças e adolescentes.

Seu mandato na Alepe tem como foco a defesa das seguintes pautas: segurança pública; desenvolvimento econômico e Polo de Confecções do Agreste; inclusão social; água; defesa da família e valores religiosos.

No parlamento estadual, o parlamentar foi eleito presidente da Comissão de Desenvolvimento Econômico e Turismo, defendendo com propriedade o Polo de Confecções do Agreste e chamando a atenção das autoridades para a maior matriz econômica de Pernambuco. Foi o autor do Estatuto do Desenvolvimento Econômico, que teve por objetivo criar um ambiente econômico favorável para a geração de empregos e o desenvolvimento do Interior de Pernambuco.

Lessa assumiu um protagonismo fundamental durante a pandemia da Covid-19, sendo o deputado estadual responsável pela articulação do setor empresarial com o Governo de Pernambuco para a retomada da economia em nosso Estado. Ele também engajou o Polo de Confecções do Agreste neste movimento de retomada, conseguindo o retorno da realização das feiras do Polo Têxtil.

Ainda neste ano de 2022, o deputado, junto com os empresários do Polo Têxtil, conseguiu junto ao Governo de Pernambuco uma nova sistemática de cobrança da nota fiscal eletrônica, representando um anseio de redução de impostos para os pequenos produtores de confecções e colocando Pernambuco em competitividade com o restante do país.

Contribuindo na luta pela tão sonhada segurança hídrica no Agreste de Pernambuco, o deputado dedica uma atenção especial à área rural de vários municípios. Através de emendas parlamentares, a população do campo teve o acesso à água ampliado, a partir da perfuração de dezenas de poços artesianos em toda a região. Apenas em 2021, foram perfurados 18 poços, em cidades como Altinho, Bezerros, Taquaritinga do Norte, Caruaru, Riacho das Almas e Toritama.

Assim que o mandato foi iniciado em 2019, o Delegado Lessa propôs a criação da Frente Parlamentar de Segurança Pública, que visitou as regiões de Pernambuco escutando as necessidades de cada localidade. Após solicitação do parlamentar, a Alepe criou a Comissão Permanente de Segurança Pública. 

Conhecedor das carências estruturais que a segurança pública enfrenta no Agreste, o Delegado Lessa destinou mais de 750 mil reais de emendas parlamentares para a construção da primeira Delegacia da Mulher de Caruaru com sede própria, fruto de uma articulação com o Tribunal de Justiça de Pernambuco.

Além disso, Lessa destinou 188 mil reais para equipar o laboratório de combate à lavagem de dinheiro e ao crime organizado em Caruaru. Lessa é defensor da recomposição dos quadros da Polícia Militar, Polícia Civil e Bombeiros. Votou a favor do aumento salarial para os profissionais de segurança do estado, além do aumento da idade para se ingressar na Polícia Militar e Corpo de Bombeiros. Lessa é defensor do porte de armas para as guardas municipais e para os agentes penitenciários do estado. Votou contrário à Frente Parlamentar Desarmamentista e é autor do projeto de Lei Nº 3065/2022, que defende o porte de arma de fogo para os Caçadores, Atiradores e Colecionadores (CACs). Também apresentou o PL nº 3491/2022, que reconhece o risco da atividade e a efetiva necessidade do porte de armas de fogo aos vigilantes integrantes de empresas de segurança privada.

A articulação do Delegado Lessa com as forças de segurança do Agreste proporcionou para Caruaru o menor índice de homicídios dos últimos 18 anos na cidade.

Para o deputado Erick Lessa, as ações do poder público devem ser orientadas a atender principalmente à parcela da população que mais necessita de assistência. Seu mandato tem sido um destaque na promoção de direitos. Um desses pontos foi a criação da Emenda à Constituição Estadual (EC nº 51/2020) visando a oferecer garantias à população em situação de rua. Ele ainda é autor da Lei nº 16.894/2020, que destina percentual de vagas de emprego em terceirizadas para pessoas em vulnerabilidade e da Lei nº 16.975/2020, que garante prioridade de matrícula nas escolas de tempo integral para crianças em vulnerabilidade.

Entre outras ações, Erick Lessa é autor da chamada ‘Lei Ayla Lorena’, que institui outubro como Mês Estadual de Proteção Integral à Criança e ao Adolescente. O nome da norma refere-se a uma garota de 2 anos e 11 meses que foi brutalmente assassinada em Caruaru, no ano 2021.

Também é de autoria de Erick Lessa o projeto originário da Lei nº 16.981/2020, que determina a divulgação dos canais de denúncia para casos de violência e abuso às crianças e adolescentes nas videoaulas das escolas de Pernambuco.

Entendendo o papel dos conselheiros tutelares na rede de proteção à infância e adolescência, o deputado defende o fortalecimento da categoria. Lessa promoveu em maio de 2022 um encontro na Assembleia Legislativa que contou com a participação de profissionais de mais de 30 municípios, no propósito de lutar pela implementação do Piso Nacional Salarial dos Conselheiros Tutelares. 

O deputado também é autor do Projeto de Lei Ordinária nº 3090/2022, que assegura o atendimento médico prioritário a crianças e adolescentes acompanhados de conselheiros tutelares. Segundo a proposta, as unidades de saúde deverão fixar cartaz informativo indicando o direito à assistência prioritária dos indivíduos nessas condições. 

Lessa ainda foi uma das principais vozes de Pernambuco a defender a liberdade religiosa no período de restrições mais severas em meio à pandemia do novo coronavírus. O deputado sempre foi favorável à atuação responsável de igrejas e templos religiosos, argumentando que a Organização Mundial de Saúde (OMS) e a Organização das Nações Unidas (ONU) incluem a espiritualidade nos aspectos avaliadores da qualidade de vida do indivíduo.

Lessa é idealizador do projeto Fé em Ação, que atua em parceria com igrejas e associações com o intuito de levar serviços de cidadania gratuitos para pessoas carentes. Mais de 4 mil famílias já foram atendidas em Pernambuco.

Lessa defende a ética e o combate à corrupção, durante o seu mandato propôs em conjunto com a Controladoria Geral do Estado (CGE) uma legislação de Compliance e conformidade, que ajuda a combater fraudes nos contratos do Estado.

 

*Com informações da assessoria de imprensa do parlamentar.

Ver mais
Nome civil:
Erick da Silva Lessa

Naturalidade:
Maceio - AL

E-mail:
delegado.lessa@alepe.pe.gov.br
Site:
Redes sociais:
 
Aniversário:
21/06

Profissão:
Policial Civil

Telefone:
(81) 3183-2065

Gabinete:
108


Atividade Parlamentar