Brasão da Alepe

PROJETO DE LEI ORDINÁRIA 726/2019

Altera a Lei nº 16.241, de 14 de dezembro de 2017, que cria o Calendário Oficial de Eventos e Datas Comemorativas do Estado de Pernambuco, define, fixa critérios e consolida as Leis que instituíram Eventos e Datas Comemorativas Estaduais, originada de projeto de lei de autoria do Deputado Diogo Moraes, a fim de incluir a Missa do Vaqueiro do Airi, no município de Floresta.

Texto Completo

     Art. 1º O Capítulo II da Lei nº 16.241, de 14 de dezembro de 2017, passa a vigorar com as seguintes modificações:

Seção II (NR)

Dos Períodos e Dias Variáveis (NR)

Subseção I (AC)

Dos Períodos Variáveis (AC)

.......................................

Subseção II (AC)

Dos Dias Variáveis (AC)

Art. 47-A. Segundo domingo do mês de fevereiro: Missa do Vaqueiro do Airi, no município de Floresta." (AC)

     Art. 2º Os arts. 43, 44, 45, 46 e 47 constantes da Seção II do Capítulo II da Lei nº 16.241/2017 passam a integrar a Subseção I retro acrescida pelo art. 1º desta Lei. 

     Art. 3º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação. 

 

Justificativa

     A Missa do Vaqueiro é um importante evento destinado para a valorização genuína das nossas tradições e de fortalecimento das nossas crenças. Tradição espalhada por todo o Estado de Pernambuco, a celebração retrata um grandioso momento de emoção, fé, oração e exaltação da cultura do homem sertanejo.

     Floresta, imponente município do sertão pernambucano, carrega há décadas a tradição desta celebração, alcançando cidades circunvizinhas e todos os povoados do município. Por conseguinte, esta cultura se espalhou aos distritos do município, trazendo ainda mais força para a cultura florestana.

     O Airi, 2º distrito do município de Floresta, no sertão de Itaparica é a sede de umas dessas grandes manifestações culturais. Reforçando a grande tradição já existente no município de região, o evento que já tem 3 edições reúne cerca de 6 mil pessoas por ano, que acompanham e participam do desfile dos vaqueiros até a celebração religiosa realizada na Igreja de Nossa Senhora de Lourdes. Logo após a missa, o grande público expectador presencia a apresentação de atrações musicais de nível nacional, traduzindo uma das maiores e mais importantes festas da região, com uma significativa geração de emprego e renda. A tradicional Missa do Vaqueiro do Airi nos encanta com as mais diversas demonstrações da força, da coragem e da crença do nosso povo.

     Com a modificação em tela, esperamos contribuir para fortalecer, em todo o Estado de Pernambuco, esta belíssima tradição que precisa ser valorizada e passada para as próximas gerações.

     Ante o exposto, solicito o apoio dos meus Nobres Pares desta Egrégia Casa Legislativa.

Histórico

[12/08/2019 11:26:15] RETORNADO PARA O AUTOR
[10/02/2020 18:07:33] ENVIADO PARA COMUNICAÇÃO
[08/11/2019 15:51:42] PUBLICADO
[08/08/2019 13:43:04] ENVIADO P/ SGMD
[08/08/2019 12:16:22] ASSINADO
[07/11/2019 17:56:03] ENVIADO PARA PUBLICAÇÃO
[07/11/2019 17:55:05] EMITIR PARECER
[07/11/2019 17:54:54] DESPACHADO
[07/11/2019 16:38:48] ENVIADO PARA COMUNICAÇÃO
[06/11/2019 15:14:13] ENVIADO P/ SGMD
[06/11/2019 15:10:19] ASSINADO
[06/02/2020 10:39:11] PUBLICADA
[06/02/2020 10:39:10] PUBLICADA
[05/02/2020 17:14:49] ENVIADA PARA PUBLICAÇÃO
[05/02/2020 17:05:31] DESPACHADA
[05/02/2020 13:50:20] NUMERADA
[05/02/2020 10:29:41] ENVIADA P/ SGMD
[04/02/2020 13:33:48] ASSINADA





Informações Complementares

Status
Situação do Trâmite: PUBLICADO
Localização: SECRETARIA GERAL DA MESA DIRETORA (SEGMD)

Tramitação
1ª Publicação: 08/11/2019 D.P.L.: 8
1ª Inserção na O.D.:




Documentos Relacionados

Tipo Número Autor
Parecer FAVORAVEL 1511/2019 Priscila Krause
Substitutivo 1/2019 Ana Cecilia de Araujo Lima