Brasão da Alepe

Parecer 2812/2020

Texto Completo

Vem a esta Comissão de Cidadania, Direitos Humanos e Participação Popular, para a análise e emissão de parecer, o Projeto de Lei Ordinária nº 1016/2020, de autoria do Deputado Clodoaldo Magalhães, que dispõe sobre a alteração da Lei nº 16.559, de 15 de janeiro de 2019, que institui o Código Estadual de Defesa do Consumidor de Pernambuco, originada de projeto de lei de autoria do Deputado Rodrigo Novaes, a fim de vedar o aumento arbitrário de preços, notadamente em decorrência de guerra, calamidade pública, pandemia ou outra grave circunstância de comoção social.

Essa proposição está em consonância com o art. 19, caput, da Constituição Estadual e arts. 192 e 194, I, do Regimento Interno deste Poder Legislativo. 

Trata-se de Projeto de Lei que modifica a Lei no 16.559, de 15 de janeiro de 2019, que institui o Código Estadual de Defesa do Consumidor de Pernambuco. 

Em breve síntese, a presente proposição busca resguardar o consumidor, parte vulnerável da relação de consumo, diante de circunstâncias de grave comoção social, na qual se verifica, muitas vezes, que alguns fornecedores promovem aumento arbitrários dos preços, valendo-se do momento de extrema angústia ou necessidade dos consumidores. 

Nesse aspecto, ressalta-se que o Código de Defesa do Consumidor (Lei Federal no 8.078/90), em seu art. 39, X, proíbe que o fornecedor eleve, sem justa causa, o preço de produtos ou serviços. A presente, proposição, por conseguinte, traz para o âmbito estadual a mesma previsão contida na Lei Federal, especialmente em decorrência de guerra, calamidade pública, pandemia ou outra grave circunstância de comoção social. 

Por fim, cumpre registrar que o projeto tem amparo na amparo na competência legislativa concorrente dos Estados-membros (art. 24, incisos V, VIII e IX, da Constituição Federal). Além disso, não existe impedimento para a iniciativa parlamentar, pois a matéria não se enquadra nas hipóteses de iniciativa do Governador do Estado (art. 19, § 1o da Constituição Estadual). 

Diante do exposto, opino no sentido de que o parecer desta Comissão seja pela aprovação.

Tendo em vista as considerações do relator, a Comissão de Cidadania, Direitos Humanos e Participação Popular opina pela aprovação do Projeto de Lei Ordinária no 1016/2020, de autoria do Deputado Clodoaldo Magalhães. 

Histórico

[28/02/2019 09:48:24] ENVIADO P/ SGMD
[26/02/2019 13:42:07] ASSINADO
[15/04/2020 21:50:14] ENVIADO P/ PUBLICAÇÃO
[15/04/2020 21:50:07] ENVIADO PARA COMUNICAÇÃO
[15/04/2020 15:44:53] ENVIADA P/ SGMD
[12/08/2019 19:03:22] ENVIADO PARA COMUNICAÇÃO
[08/08/2019 10:32:21] PUBLICADA
[08/08/2019 10:32:20] PUBLICADA
[07/08/2019 16:46:29] ENVIADA PARA PUBLICAÇÃO
[07/08/2019 16:42:35] DESPACHADA
[07/08/2019 15:05:13] NUMERADA
[07/08/2019 14:55:50] ENVIADA P/ SGMD
[05/08/2019 16:43:26] ASSINADA





Informações Complementares






Esta proposição não possui emendas, pareceres ou outros documentos relacionados.