Brasão da Alepe

Requerimento No 1812/2016

Texto Completo

Requeremos à Mesa, ouvido o Plenário e cumpridas as formalidades regimentais,
que seja consignado na Ata dos trabalhos de hoje um Voto de Aplauso ao
Salgueiro Atlético Clube pela passagem dos seus 44 anos de fundação, comemorado
no dia 23 de março do corrente ano.

Justificativa

O clube foi fundado em 23 de março de 1972 com o nome de Atlético de Salgueiro.
O time era amador e seu maior rival era o Comercial de Serra Talhada. No ano de
sua fundação, o Atlético de Salgueiro fez uma das mais importantes partidas da
sua história contra o Fluminense/RJ, clube que inspirou as suas cores , em uma
partida amistosa no Estádio Cornélio de Barros. Na ocasião, o Fluminense goleou
o Salgueiro por 3 a 0. O time acabou fechando as portas, mesmo sendo amador, no
final da década de 1970, só retornando aos gramados 25 anos depois.
Em 2005, veio a profissionalização. O time ficou em 3º lugar no Campeonato
Pernambucano da série A2, perdendo a vaga na última rodada para o Estudantes de
Timbaúba em um jogo turbulento e marcado pela violência, mas graça à
desistência do Itacuruba (Que disputava a elite estadual) o carcará subiu para
a 1ª divisão do futebol pernambucano. Nesse mesmo ano, conquistou os títulos da
Copa PE e Copa Integração.
Em 2006, ano da sua primeira participação no Campeonato pernambucano da 1ª
divisão, o time chegou à fase final do 1º turno com chances de título, mas a
pífia campanha no 2º turno acabou ocasionando o rebaixamento.
Em 2007, o Salgueiro conquistou o título do Campeonato Pernambucano da série
A2, vencendo a equipe do Sete de Setembro nas duas partidas. Na semifinal
obteve um empate emocionante no clássico contra o Petrolina em 3 a 3, onde o
gol do acesso do Carcará saiu aos 47 do segundo tempo e assim, retornando à
primeira divisão. Antes disso, a equipe eliminou o Atlético de Vicência nas
quartas-de-final.
Em 2008, o time fez uma brilhante participação no Pernambucano, terminando em
4º lugar, e garantindo uma vaga na Campeonato Brasileiro da Série C. Em sua
primeira participação em competições nacionais, terminou em 14º lugar dentre 64
clubes e garantiu a sua vaga na Série C em 2009, tendo em vista que a CBF criou
a Série D. Os 20 melhores da Série C de 2008, excluídos os 4 primeiros que
subiram pra Série B, automaticamente permanecerem na C para o ano seguinte.
Em 2009, o clube repete a boa campanha no Pernambucano, terminando na 4ª
colocação. Na Série C 2009, o clube terminou em 10º lugar, sendo eliminado
ainda na 1ª fase, ficando atrás somente do ASA e do Icasa no Grupo B.
Em 2010, no dia 17 de outubro de 2010, uma data histórica para o clube do
sertão pernambucano, o Salgueiro conquistou o acesso à Série B do Campeonato
Brasileiro, após vencer o Paysandu de virada pelo placar de 3 a 2, fora de
casa, no estádio do Curuzu lotado. O placar anterior em Salgueiro havia sido de
1 a 1.
Em 2011, a equipe fez sua estreia no Campeonato Brasileiro Série B. No primeiro
jogo empatou contra o São Caetano, por 1 a 1 mesmo placar da segunda partida
contra o ABC em Natal. A primeira vitória só saiu na 3ª rodada frente o Duque
de Caxias, por 2 a 0. Por sua vez, a primeira derrota veio na 4ª rodada diante
do Paraná Clube por 1 a 0 em Curitiba. Terminou o campeonato na 19º colocação,
tendo sido rebaixado a série "C" Nacional.
No ano de 2012 o Salgueiro conseguiu uma das 4 vagas para as semi-finais do
estadual. O jogo da semifinal foi contra o Santa Cruz, o primeiro jogo em
Salgueiro, o time da casa venceu pelo placar de 2 a 1, mas no jogo da volta em
Recife, o Santa Cruz venceu por 3 a 1, assim encerrando a melhor campanha da
história de um time do sertão do estado acabando o campeonato na 3ª colocação.
Infelizmente, porém, o clube fez uma péssima campanha na série "C" do
Campeonato Brasileiro terminando na penúltima colocação do grupo "A" e na 17°
colocação geral caindo para a série "D" do Campeonato Brasileiro de 2013.
No ano de 2013, no estadual, o clube não conseguiu mostrar a tradicional força
jogando em seus domínios e acabou o campeonato na modesta 6ª colocação. Por
outro lado, nas competições nacionais do ano, o Carcará fez excelentes
campanhas. Teve uma brilhante campanha na Copa do Brasil de 2013. Na Série D,
após vencer o Plácido de Castro/AC por 3 a 1, depois de ter empatado no jogo de
ida por 1 a 1, o Salgueiro avançou às semifinais do torneio e garantiu o acesso
de volta à Série C, um ano após ter sido rebaixado. Antes disso, havia
eliminado o Nacional/AM nas quartas de finais. A equipe ainda fez sua estreia
na Copa do Nordeste terminando na última posição do Grupo C, que contava com o
Vitória/BA, ASA de Arapiraca/AL e América/RN. O seu jogador nigeriano Yerien
foi quem marcou o primeiro gol transmitido pela TV Esporte Interativo no
Nordestão, na vitória de 1 a 0 sobre o ASA.
O Salgueiro fez uma boa Campanha no pernambucano 2014, terminando em 3º lugar.
Na semifinal venceu a primeira partida contra o Náutico por 2 a 0 no
Salgueirão, mas acabou sendo derrotado no segundo jogo por 1 a 0 a decisão foi
para os pênaltis, com o Náutico vencendo por 5 a 3, tornando-se o primeiro
finalista do Campeonato Pernambucano 2014.
Salgueiro fez boa campanha também na série C, ficou em terceiro colocado na
fase de grupos. E na fase de quartas de finais, Carcará foi eliminado pelo
Mogi-mirim, depois de perder o primeiro por 1 a 0 no Salgueirão, com ilustre
presença de Rivaldo presidente do clube Paulista na cidade. No segundo jogo o
Carcará não conseguiu reverter e empatou por 0 a 0 e viu o sonho de voltar para
a série B ficar pra próxima.
Em 2014 foi Campeão da Taça Miguel Arraes, o equivalente ao 1º turno do
Campeonato Pernambucano.
Em 2015 o Carcará chegou as quartas de finais da Copa do Nordeste sendo esta
sua melhor campanha no certame e ainda chegou na final do Campeonato
Pernambucano feito até então inédito do clube sertanejo quando foi vice-campeão
estadual.
Parabenizamos os diretores, os funcionários, o presidente e a todos que fazem o
Salgueiro Atlético Clube pela data especial. Portanto, percebemos a importância
de solicitar merecidamente este Voto de Aplauso.

Sala das Reuniões, em 15 de março de 2016.

Bispo Ossésio Silva
Deputado


Informações Complementares

Status
Situação do Trâmite: Enviada p/Comunicação
Localização: Comunicação

Tramitação
Publicação: 22/03/2016 D.P.L.: 11
Inserção na O.D.: 23/03/2016 Página D.P.L.:


Resultado Final
Publicação Redação Final: Página D.P.L.:
Inserção Redação Final na O.D.:
Resultado Final: Aprovada Data: 23/03/2016


Esta proposição não possui emendas, pareceres ou outros documentos relacionados.