Simone Santana pede mais prazo para desocupação de casas em Ipojuca

Em 13/08/2019 - 17:08
-A A+
SOLIDARIEDADE - “Considero desumano retirar sem contrapartida a moradia de quem vive no local há mais de 40 anos.” Foto: Roberto Soares

SOLIDARIEDADE – “Considero desumano retirar a moradia de quem vive no local há mais de 40 anos.” Foto: Roberto Soares

O aumento do prazo para que 45 famílias deixem suas casas no município de Ipojuca (Região Metropolitana do Recife) foi solicitado pela deputada Simone Santana (PSB), na Reunião Plenária desta terça (13). Segundo as informações apresentadas pela parlamentar, os moradores do entorno da antiga Casa do Governador têm uma semana para desocupar o local, dando cumprimento a uma ordem de reintegração de posse da Justiça Estadual.

“Registro minha solidariedade a essas pessoas. Considero desumano retirar, sem contrapartida, a moradia de quem vive no local há mais de 40 anos. O que mais me inquieta é o prazo de apenas uma semana para que desmontem a vida que construíram ali”, declarou a deputada. De acordo com Simone, a maior parte das famílias não tem para onde ir após a desocupação.

A deputada do PSB ressaltou que fará tudo o que estiver ao alcance dela para que a reintegração de posse “não aconteça sem diálogo e sem planejamento”. “Sabemos que a área é atraente para o turismo, mas os ganhos econômicos jamais podem falar mais alto do que a dignidade humana”, concluiu a parlamentar.